Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

I Like 2 Eat

I Like 2 Eat

26
Jan22

Sopa de Miso

CS

256315843_972655833600852_2688165015978158657_n (1

A culinária japonesa está sempre presente no nosso dia-a-dia.

Seja porque vamos pelo menos uma vez por semana a um restaurante de sushi (o mais novo adora, pede para ir imensas vezes). Aliás as meninas do restaurante já brincam com o entusiasmo dele à medida que os pratos vão chegando à mesa.

Como já escrevi aqui há uns meses, fiz um workshop de alimentação macrobiótica, vim de lá cheia de inspiração para tentar novas receitas e novos ingredientes.

 

No inverno, gosto de sopa de miso para acompanhar o sushi (e chá verde, sempre), nunca me tinha aventurado a fazer em casa, resolvi começar pela receita do Cookidoo, valeu a pena!

Substituí a couve kale por pak-choi, que adoro, mas se não encontrarem nenhuma das duas, julgo que couve portuguesa, cortada em juliana grossa deva ficar muito bem também.

 É uma sopa diferente das nossas sopas consistentes, não tem um creme, tem um caldo aromático, cheio de sabor.

Ingredientes Caldo

 2000 g de água

 1 c. chá de sal

4 tiras de alga kombu

80 g cogumelos shitake (os Cogumelos Serra da Lua têm os melhores)

20 g gengibre cortado em pedaços

Ingredientes Miso

100 g massa de arroz vermicelli (parece massa aletria de arroz)

100 g pasta de miso (usei metade branco e metade de cevada)

2 dentes de alho cortados em lâminas

2 couves pak-choi

80 g cogumelos shitake laminados

5 g gengibre cortado em palitos

200 g tofu (ver notas) 

Cebolinho q.b.

Preparação Caldo

Coloque no copo a água e o sal. No cesto, coloque a alga kombu, os cogumelos laminados e o gengibre, leve a cozinhar por 20 min/98°C/Vel 1.

Findo este tempo, retire o cesto, descarte o seu conteúdo, e reserve o caldo.

Preparação Miso

Prepare dois recipientes, no primeiro pese os a massa de arrzoz vermicelli.

No segundo recipiente, pese a pasta de miso e adicione 200 g do caldo reservado e misture bem.

No copo coloque o restante caldo, a mistura de miso, o alho, a couve, os cogumelos laminados, o gengibre e o tofu, cortado em cubos de cerca de 1 cm, cozinhe 10 min/100°C/Inversa/Vel Colher.

No final, coloque a massa vermicelli no recipiente onde vai ser a sopa, coloque por cima a sopa e deixe hidratar cerca de 4 minutos.

Guarneça com o cebolinho e sirva de seguida.

Notas

Se não forem consumidores habituais de tofu, procurem um de boa qualidade, a experiência pode ficar comprometida por um tofu de menor qualidade, gosto muito do tofu da Shambhala ou da Biodharma. O Celeiro costuma ter ambos, a Miosótis tem 

Shambhala. Para os meus conterrâneos a loja a Granel. Pode ainda, colocar umas gotas de óleo de sésamo para um sabor mais tostado. Alerto para que não fica uma sopa límpida, como a que às vezes encontramos à venda, porque o miso é espesso e deixa resíduos, é assim mesmo!

Esta receita, pelas quantidades, não é recomendada para a TM31.

 

 

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Redes Sociais

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub