Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

I Like 2 Eat

I Like 2 Eat

02
Dez21

O Brownie de Chocolate

CS

263156329_206250295001610_985035695791567362_n.jpg

Os brownies estão entre um bolo de chocolate húmido e uma barra de chocolate.

Os melhores são suaves e húmidos por dentro, derretem na boca e não sabem a farinha. Como bónus ainda têm uma camada superior e as laterais crocantes mas sem perder aquela elasticidade.

Quando encontro brownies, com aspecto de corresponder a estas características, não lhes resisto. Quase sempre acabo desiludida. Ou são demasiado doces ou secos, massudos, com demasiada manteiga.

 

As receitas com melhor votação têm sempre toneladas de açúcar, quando lhes mudava as quantidades, mudava a textura.

Este post começou num dia de férias, no Algarve. 

Quando estou de férias, a cozinha também tira férias, mas às vezes temos aquela vontade de algo doce, indulgente, rico. Os brownies são isso tudo.

Fiz alguma pesquisa e encontrei esta, do Blog Love&Lemons, que prometia ser a melhor receita de brownies de chocolate.

Não há formas lá em casa, por isso usei um  tabuleiros de take-away. Da primeira vez fiz a receita em modo tradicional mas da segunda vez usei a Bimby, porque acabei por sujar mais louça no modo tradicional.

A receita original levava mais açúcar, que exponenciariam alguns dos atributos que eu adoro nos brownies mas que o ia tornar demasiado doce.

Para além de ter reduzido metade da quantidade de açúcar, troquei o óleo por manteiga e como só encontrei chocolate em pó no supermercado do aldeamento, foi o que usei, a farinha tinha fermento.

Ora, o que obtive, apesar de muito bom, não eram bem brownies.

Há uns dias resolvi voltar a fazer a receita e usei na mesma um tabuleiro de take-away, para perceber se obteria um resultado satisfatório com estes tabuleiros de alumínio. Pensei que, por ser muito fina, a massa iria cozer demasiado rápido e perderia a humidade e a elasticidade tão característica destes bolos. Mas sabem que mais, funciona muito bem.

Claro que estas formas/tabuleiros são um recurso de emergência, ambientalmente não são uma opção. Agora se estivermos de férias, são um recurso.

Não é uma receita saudável mas não é para fazer todos os dias, é para aqueles dias de excepção de que falei há uns dias.

Ingredientes

135 g de açúcar - 2/3 chávena

100 g de farinha sem fermento - 3/4 chávena

85 g de cacau em pó - 1/2 chávena

65 g de açúcar em pó (ver notas) -1/2 chávena

1/2 chávena de pepitas de chocolate (usei metade pepitas metade cubos de caramelo)

2 ovos L 

115 g de óleo - 1/2 chávena (sabor neutro)

2 colheres de sopa de água

 pitada de sal

1 colher de chá de extracto de baunilha

Preparação Bimby

Untar o tabuleiro com manteiga e forrar o mesmo com papel vegetal, deixando as laterais mais altas, para na hora de desenformar ser só levantar.

Numa taça pesar a farinha, o açúcar, o cacau, o açúcar em pó e o sal. Mexer para combinar.

No copo da bimby colocar os ovos, o óleo, a água e a baunilha, misture 30 seg/Vel 3.

Peneire os ingredientes secos, metade de cada vez, e programe 10 seg/Vel 5 no final de cada adição.

Por fim envolver as pepitas de chocolate na massa, com uma espátula.

Colocar a massa na forma, polvilhar com mais algumas pepitas de chocolate e levar ao forno, a 160°C, para cozer entre 40 a 48 minutos, fazendo o teste do palito, que deverá sair com algumas migalhas agarradas mas não massa líquida.

Se utilizar destas formas descartáveis o tempo de cozedura será menor.

Vai ser difícil resistir, mas eles ficam muito melhores no fim de frios.

Preparação Manual

Untar o tabuleiro com manteiga e forrar o mesmo com papel vegetal, deixando as laterais mais altas, para na hora de desenformar ser só levantar.

Peneirar para uma taça os ingredientes secos, farinha, açúcar, açúcar em pó e cacau em pó.

Numa taça maior, bater os ovos, adicionar o óleo e bater com umas varas até ter uma mistura homogénea. Adicionar o sal, o extracto de baunilha e a água, voltar a bater.

Adicionar os ingredientes secos e misturar com uma espátula.

Juntar as pepitas de chocolate (reservar algumas para colocar por cima) e envolver na massa.

Colocar a massa na forma, polvilhar com mais algumas pepitas de chocolate e levar ao forno, a 160°C, para cozer entre 40 a 48 minutos, fazendo o teste do palito, que deverá sair com algumas migalhas agarradas mas não massa líquida.

Notas:

Preferencialmente, utilize açúcar em pó de compra, uma vez que tem amido na sua composição e o amido vai tornar a massa mais espessa e os brownies mais densos sem serem massudos.

Estas fotos são da primeira versão, com a troca de vários ingredientes, dá para perceber a diferença, até a massa tem um brilho diferente.

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Redes Sociais

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub